Eita, zica!

Eu sou amiga da F. Que é amiga da C. Que é minha amiga. Mas nenhuma sabia que uma era amiga da outra. Peguei a C. na casa dela pra irmos no Trinca Espinha comer aquela sopa de frutos do mar com lagostas deliciosas. O Trinca Espinha estava cheio. Eu e C. ligamos pra F para irmos encontrá-la, pois recém-descobrimos que ambas eram amigas da F. Essa coincidência trouxe uma consequência.

Quando estávamos a subir a rua do Hotel Trópico, os semáforos inteligentes da cidade de Luanda marcaram o verde tanto pro meu carro quanto para o outro que estava a descer para cruzar à esquerda, bem a frente do meu carro.

A batida não foi forte, mas estragou bem o carrão gigante e novo da moça que virou sem prestar atenção. Eita, zica! Que sucessão de mini catástrofes! E olha que tem bué de outras catástrofes acontecendo ao mesmo tempo que nem valapena comentar publicamente.

Ó, mas vejam o lado bom: eu não fui linchada na rua, como um monte de estrangeiro pateticamente diz que é o que acontece quando um pula se envolve num acidente.

Anúncios

Tags: , ,

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: