Isso não faz nenhum sentido

Os bancos que se afundaram e ajudaram a afundar a economia do mundo e tiveram que pegar empréstimos bilionários do governo (e, portanto, da pessoas) pagaram mais de 1 milhão de dólares de bônus para não sei quantos mil. 1 milhão de dólares. De bônus. Fora o salário. Pensem em quanto dinheiro é isso. Qua safadeza. E, além disso, para que as pessoas precisam de tanto dinheiro assim?

Bancos socorridos gastam bilhões em bônus nos EUA

Mesmo Citi e Merrill Lynch, que tiveram enormes prejuízos, deram gratificações

Deputado democrata afirma que o controverso pagamento de bônus será debatido pela Câmara dos EUA em setembro

GREG FARRELL
DO “FINANCIAL TIMES”, EM NOVA YORK

O Citigroup e o Merrill Lynch, que somados tiveram prejuízo de US$ 55 bilhões em 2008, pagaram bonificações individuais de valor superior a US$ 1 milhão a 1.400 funcionários, segundo relatório do governo estadual de Nova York sobre os pagamentos de gratificações por bancos socorridos com dinheiro do contribuinte.
O estudo, compilado por Andrew Cuomo, o procurador-geral de Nova York, demonstrou que o JPMorgan Chase e o Goldman Sachs, que fecharam o ano passado com lucro, pagaram o maior número de bônus literalmente milionários: 1.626 e 953, respectivamente.
Mas os montantes totais pagos por um banco lucrativo como o Goldman Sachs foram acompanhados de perto por dois dos maiores perdedores de Wall Street. O Citigroup, que sofreu perdas de US$ 27,7 bilhões, pagou bonificações de valor superior a US$ 1 milhão a 738 funcionários. O Merrill Lynch, que perdeu US$ 27,5 bilhões, pagou 696 bonificações de US$ 1 milhão ou mais.
“Não existe motivo ou explicação claros para a maneira pela qual os bancos remuneram e recompensam seus funcionários”, disse Cuomo. “A remuneração de funcionários bancários se desvinculou completamente do desempenho financeiro das instituições.”

Tags: , ,

2 Respostas to “Isso não faz nenhum sentido”

  1. Alexandre Correia Says:

    Olá Ju!

    Essa notícia podia ser em muitos outros lugares, sobre muitas outras empresas. Reflecte uma das maiores injustiças que podem ocorrer no mercado do trabalho, onde o salário devia ser a única e justa recompensa. Sem mais! E digo-o porque salvo raríssimas excepções, a distribuição de prémios em suplemento às remunerações é direccionada para quem já ganha mais e muitas das vezes “mereceu” esse prémio à custa de reduções de custos que implicaram despedir colaboradores e/ou retirar-lhes regalias e condições. É indigno, mas o certo é que o homem continua a ser, de longe, o maior predador da terra.

    Um beijo,

    Alexandre Correia

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: