Posts Tagged ‘bancos’

Isso não faz nenhum sentido

31/07/2009

Os bancos que se afundaram e ajudaram a afundar a economia do mundo e tiveram que pegar empréstimos bilionários do governo (e, portanto, da pessoas) pagaram mais de 1 milhão de dólares de bônus para não sei quantos mil. 1 milhão de dólares. De bônus. Fora o salário. Pensem em quanto dinheiro é isso. Qua safadeza. E, além disso, para que as pessoas precisam de tanto dinheiro assim?

Bancos socorridos gastam bilhões em bônus nos EUA

Mesmo Citi e Merrill Lynch, que tiveram enormes prejuízos, deram gratificações

Deputado democrata afirma que o controverso pagamento de bônus será debatido pela Câmara dos EUA em setembro

GREG FARRELL
DO “FINANCIAL TIMES”, EM NOVA YORK

O Citigroup e o Merrill Lynch, que somados tiveram prejuízo de US$ 55 bilhões em 2008, pagaram bonificações individuais de valor superior a US$ 1 milhão a 1.400 funcionários, segundo relatório do governo estadual de Nova York sobre os pagamentos de gratificações por bancos socorridos com dinheiro do contribuinte.
O estudo, compilado por Andrew Cuomo, o procurador-geral de Nova York, demonstrou que o JPMorgan Chase e o Goldman Sachs, que fecharam o ano passado com lucro, pagaram o maior número de bônus literalmente milionários: 1.626 e 953, respectivamente.
Mas os montantes totais pagos por um banco lucrativo como o Goldman Sachs foram acompanhados de perto por dois dos maiores perdedores de Wall Street. O Citigroup, que sofreu perdas de US$ 27,7 bilhões, pagou bonificações de valor superior a US$ 1 milhão a 738 funcionários. O Merrill Lynch, que perdeu US$ 27,5 bilhões, pagou 696 bonificações de US$ 1 milhão ou mais.
“Não existe motivo ou explicação claros para a maneira pela qual os bancos remuneram e recompensam seus funcionários”, disse Cuomo. “A remuneração de funcionários bancários se desvinculou completamente do desempenho financeiro das instituições.”

Aqui não tem céu azul

04/04/2009

china1

Aqui não tem céu azul. Todos os dias são cinzentos.

As crianças não têm recreio.

Os bancos abrem sábado e domingo até bem tarde.

Os pais trabalham sábado e domingo e por isso as crianças vão para escola sábado e domingo.

Os cemitérios têm vista para o mar (pelo menos alguns que eu vi).

Os metrôs são enormes e as passagens subterrâneas dos metrôs são enormes também. Dá para ficar mais de 15 minutos andando embaixo da terra.

As lojas dentro dos metrôs, dentro dos shoppings e dentro das ruinhas estão sempre lotadas.

A cidade é cinza de tanto concreto e os prédios parecem ir todos até o céu.

O ar é cinza e denso e tem dias que não dá para ver nem o Sheraton, que fica quase em frente.

A cidade só não é cinza à noite, quando o céu e o ar ficam negros e os neons dos letreiros deixam tudo colorido feito carnaval.